7 de julho de 2010

Vereador Carlos Henrique apresenta projeto para limitar horário de começo de jogos de futebol

Imagine sair do trabalho, poder ir ao estádio de futebol, assistir à partida do seu time de coração, e quando voltar para casa e olhar no relógio ver que ainda não são meia-noite.
Se depender de um projeto de lei apresentado na Câmara Municipal de Belo Horizonte, pelo vereador Carlos Henrique (PRB), isso pode se tornar realidade no mundo do futebol da capital mineira.
De acordo com o projeto, as partidas de futebol profissional realizadas na cidade deverão começar até o horário de 20h30.
Para Carlos Henrique, a grande insatisfação popular o levou a apresentar a proposta.
“A massa torcedora que acompanha o futebol é a favor de uma mudança no horário dos jogos. É um absurdo, por exemplo, submeter um trabalhador ir ao estádio assistir uma partida que se inicia por volta de 22h, ou até mais tarde, como é o caso de alguns jogos de Libertadores.”
O vereador sabe que vai enfrentar muita dificuldade para ter sua proposta aprovada, ainda mais que é de conhecimento geral que os horários das partidas de futebol são determinados pelas televisões, que pagam milhões pelo direito de transmissão dos campeonatos.
“Você não pode comprometer toda uma cadeia profissional a horários que se excedem pela madrugada. Além disso, para o poder público ainda tem o problema de segurança e de depredação de patrimônio em dias de grandes jogos que vão até mais tarde. Para enfrentar esses problemas e contrapor o peso da televisão, somente com a constitucionalidade da medida”, argumenta o vereador.
...Fonte: "Rádio Itatiaia"

Um comentário:

Eliana disse...

Acho bacana a idéia, apesar de que eu mesma não costumo ir a estádios assistir jogos, mas por outro lado, as pessoas que frequentam poderão voltar mais cedo para casa já que quando termina os jogos costuma haver violências como rivalidade entre torcidas.